<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d13947973\x26blogName\x3dpatetas+pyloris\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://pyloris.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://pyloris.blogspot.com/\x26vt\x3d-1555607326380561869', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

patetas pyloris

Não há dinheiro, não há amor.

Tuesday, October 04, 2005

Promoção Mosqueteiros - Ganhe 1 viagem a Varadero

Os supermercados do grupo Os Mosqueteiros estão a oferecer uma viagem para 2 pessoas a Cuba, com a duração de 6 noites, às primeiras 50 pessoas que atropelarem um arrumador na área da Grande Lisboa. Basta apresentar 1 comprovativo (um jornal enrolado, um apito todo sujo, uma fotografia convincente, etc) para reclamarem o prémio.

Sondagem "Promessas Eleitorais realmente interessantes"

"Apagar todos os episódios dos Malucos do Riso, e negar a sua existência à comunidade internacional" é a promessa que qualquer autarca deverá fazer para apelar à grande maioria dos eleitores. Os "Malucos do Riso" a par com qualquer programa apresentado por Manuel Luis Goucha, é segundo as estatísticas, uma vergonha nacional.

Consultório do Prof. Pinto (republicado)

Esta semana publicamos mais umas cartas dos nossos leitores. Envie-nos as suas questões para prof.pinto@mail.telepac.pt

P: "Comprei numa sex-shop um vibrador com motor eléctrico para usar com a minha mulher. Tentei convencê-la a usar o objecto mas ela sempre viu este assunto com pouco à vontade. Sugeri que o utilizasse em mim, para ela ficar mais à vontade. Não concordou e agora age de uma forma um pouco estranha, e eu tenho receio de voltar a tocar neste assunto. Terei eu tendências homossexuais?"

R: Sim.


P: "Sou casado há 4 anos com uma mulher lindíssima. No entanto ultimamente tenho sonhado sempre com um amigo meu. Neste sonho ele está sempre quase todo nú, e nós brincamos e rimo-nos e divertimo-nos muito. Acordo sempre sobressaltado e a suar, e a minha mulher pergunta-me o que se passa, mas eu não tenho coragem de lhe contar. O que devo fazer? Os sonhos não vão embora."

R: Olha outro... Se o seu amigo não alinhar na palhaçada, tente falar desse seu sonho com o iluminado que nos enviou a pergunta de cima: jorge.manuel.fagundes@sapo.pt .


P: "Namoro com uma rapariga muito mais nova do que eu. Eu tenho 64 anos e ela tem 27. Gostamos muito um do outro, e ela já se mudou para a minha quinta. Até a deixo conduzir um dos meus melhores carros. Ela já fala em casar, mas eu tenho medo da reação da família dela. A sociedade é muito preconceituosa"

R: Casar? Já estou a ver o seu futuro (ou melhor, a ausência dele): o seu nome numa folha A4 timbrada pelo Instituto de Medicina Legal, com a causa provável de morte "Queda acidental em poço de elevador". Pode até estar mais elaborado e ter, por exemplo, nas observações : "ao que parece o índividuo caíu no poço do elevador quando se levantou para beber um copo de água."


P: "O meu namorado quer ter relações sexuais comigo. Eu tenho sempre dito que não, mas ele é muito persistente. Combinámos ir jantar, ao cinema, e depois íamos a um hotel que ele alugou. Eu ainda sou muito nova, mas tenho medo de o perder pois gosto muito dele. Preciso de um conselho"

R: Deixa-te disso. Ainda comes à borla e tudo... tomara muitas....

Prof. Pinto

Thursday, September 22, 2005

Eu tenho um furúnculo

A Associação "Eu tenho um furúnculo" vai realizar no próximo dia de Natal, uma caminhada no Monsanto, partindo da alameda Keil do Amaral, com o objectivo de promover a descriminalização dos portadores de furúnculos.

Segundo o presidente da Associação, João Barra, são esperados cerca de 1000 pessoas. "Um convívio que permite juntar pessoas com o mesmos tipos de infecções agudas dos folículos liposos e partilhar experiências, não esquecendo o verdadeiro objectivo que é alertar a cidade para a marginalização do furúnculo".

Wednesday, September 14, 2005

Resultados do Poll "O canastrão"


Com um resultado previsível, ganhou (perdeu?) José Carlos Malato com 58% dos votos. Jorge Gabriel teve 0 (zero) votos.

Tuesday, September 13, 2005

Bom Dia


...Eu nasci assado, e disse: “Filha, está muito calor!” e ela vestiu o capacete de chocolate cor de musgo que comprou nos ciganos do Ritz.
Decido viajar pelas escadas rolantes e encontro a minha avó, uma prostituta francesa chamada Chica cujos dedos dos pés estavam ligados por uma curiosa membrana esponjosa, ela tinha sido campeã de natação nos tempos de outrora onde se faziam cenas à maneira, como andar de patins, mas agora passava os dias a vender nougats no metro... “4 a 100” dizia ela... Nunca foi muito boa a fazer contas... O meu avô era um tipo muito violento e passava o dia a enfardar na boca com tábuas de engomar. Era surfista. Conheceram-se em Ermesinde.
Desço para o metro com os amendoins e o mel entranhados nos meus dentes, que combinado com a cebola da calçada do pequeno-almoço não marcha lá muito bem, mas logo passado uma eternidade de meses eis que chega a embarcação da linha gaivota. Nela estavam dois piratas, um deles tinha ao ombro o capitão vestido na sua rica e vibrante plumagem que me pergunta se eu queria um dos snickers que recentemente pilharam, Respondo - "Népia, não curte amendoins". Vou tipicamente na primeira carruagem como se de castigo encostado a um canto, onde vejo a equipa do Benfica que rapidamente me apanham e ritualisticamente rapam os pelos dos meus tomates. Ofereço um nougat ao Mantorras, mas ele submissamente apenas o dá ao Simão enquanto o Nuno Gomes lhe faz festinhas na carapinha.
Saio em Martim Moniz, já estou quase!. Estou deitado a olhar para o tecto, vejo o Shaka Zula com um mata moscas a tentar matar o Pikatchu enquanto é perseguido por zombies.
“Tens Narcolépsia!” – Diz o Alaje.

Sunday, September 11, 2005

Só desisto se for eleito



Para quem não sabe, o livro "Só desisto se for eleito" da autoria de Manuel João Vieira (dos Ena Pá 2000 - who else?) foi publicado aquando da tentativa do "Nosso Presidente" se candidatar às presidenciais de 2001.

Tal como se tem tornado hábito, os concursos televisivos apesar de adaptarem as perguntas dos formatos originais para um contexto nacional (leia-se "estupidamente mais fáceis"), são o mostruário das pessoas ignorantes e com pouca cultura (geral ou específica) que infelizmente nós "produzimos".

No concurso "Cofre" transmitido pela RTP1 no passado dia 09 de Setembro, a pergunta "Quem escreveu 'Só desisto se for eleito' ", obteve respostas realmentes interessantes. A mais estupefacta foi dada por uma estudante do último ano de Psicologia (que comentou que ainda não tem trabalho, e eu espero que continue assim), que respondeu "Manuel Alegre".

Thursday, September 08, 2005

O útil ao agradável



Ao caminho do chinês pisei um presente castanho.... e pensei eu cá pra mim... enquanto as câmaras não contratam os prometidos apontadores de lhotos na via pública (pagos claro pelos impostos dos donos), deviam resolver isto melhor!!!
Porque razão não há cães perto dos restaurantes chineses??? ora estamos todos tão preocupados com a invasão do oriente que deviamos montar uma armadilha, soltamos os cães abandonados perto do restaurante X e no dia seguinte - inspecção surpresa. É que eram logo todos recambiados mais rápido que conseguiam dizer "chop suey de bóbi", ou 14 com lichias.

Friday, September 02, 2005

Prato do Dia: Slogans à moda da casa


Estão nas ruas de Lisboa novos cartazes de propaganda política e a tromba dos candidatos surge em todos eles. Há um que me toca em particular. O do auto-intitulado "nietzscheniano pragmático", também conhecido por Manuel Maria, toca-me no fundo da faringe, ali onde começa o esófago e se provoca o vómito. Não sei se é o background magenta, roxo, rosado, vermelhinho, se é a face femininamente maquilhada do candidato. Uma coisa sei, o Manuel promete-me video-vigilância e jardins em todos os bairros. A medida tem um alcance muito maior do que se imagina à primeira. Sendo o senhor um ex-Ministro da Cultura, ele sabe o valor da espontaneidade na 7ª arte. A partir de agora vão estar reunidas as condições para filmarmos com apenas um take todos os ilícitos que se praticam nos locais verdes e de lazer da cidade. Já imagino uma munícipe entusiasmada chamando pelas colegas de escritório "Oh Adelaide, vem cá ver! O video da minha violação no parque de Alvalade já está na net! Ai, amanhã vou para a estufa fria!"